Módulo 1
Conceitos gerais
Propriedades
Antimicrobianos
   ß-Lactâmicos
 Tetraciclinas
 Novos antimicrobianos
Mecanismos de ação
Bibliografia
Antimicrobianos - Base Teóricas e Uso Clínico
III. Antimicrobianos - principais grupos disponíveis para uso clínico

10. Estreptograminas

10.6. Efeitos colaterais

  • Quando infundida por veia periférica produz intensa dor, inflamação e graves flebites, por isso recomenda-se a sua administração por veia central.
  • Também podem ocorrer náuseas, vômitos e diarréia.
  • Artralgia e mialgia são bastante comuns e ocorrem em até 30% dos pacientes que fazem uso deste antimicrobiano. Também são relatados perda de força muscular, “rash” cutâneo e prurido.
As alterações laboratoriais mais observadas são: elevação de creatinina, trombocitopenia, anemia, eosinofilia, aumento de gama glutamiltransferase, hipercalemia, hiperfosfatemia, hipocloremia e hiponatremia.

 

« voltar 1 | 2 | 3 | 4 | 5| 6 » seguir para Sulfonamidas
   
RMcontrole. 2007